ASJ no almoço dos aposentados

ASJ no almoço dos aposentados
Pilchados a rigor, os diretores da ASJ participaram na manhã desta quarta-feira (28) do almoço mensal do Grupo de Aposentados do Forum e do Tribunal de Justiça, na Churrascaria Galpão Crioulo, no Parque da Harmonia na Capital. Capitaneados pelo presidente da ASJ, Paulo Olympio, os representantes dos servidores fizeram convite aos colegas aposentados para participarem dos festejos farroupilhas junto ao DTG Morro da Tapera. O acampamento, que já está em fase de montagem, inicia-se no dia 3 de setembro. No piquete, localizado no lote 105, o servidor encontrará a hospitalidade que caracteriza o povo gaúcho, reverá colegas e poderá tomar um bom chimarrão. Neste ano, o piquete Morro da Tapera leva ao Harmonia o projeto Audições ASJ, que propõe aos visitantes uma reflexão sonora das lendas gaúchas. Inicialmente, ficou acertado um encontro com os aposentados no dia 11 de setembro às 11h.
Durante o almoço de confraternização de hoje, Olympio destacou para os colegas os avanços obtidos pela categoria nos últimos dois anos junto à tramitação da PEC 555 em Brasília. "O problema é que todo mundo quer, mas o governo não quer.", pontuou Olympio. Na ocasião, o dirigente destacou o trabalho realizado pelo Instituto Mosap desde a Constituinte de 1987 e que, hoje, congrega 700 entidades, sendo 50 atuantes no dia a dia dos pleitos do funcionalismo. O presidente da ASJ ainda explicou aos presentes o porquê da demora na tramitação do projeto de reajuste na Assembleia Legislativa. "Em breve deve abrir a negociação para votação em pacote dos reajustes dos servidores", pontuou, lembrando que o índice obtido pelos servidores do Judiciário serviu de balizador para as demais categorias.  Danila Berlitz agradeceu a participação da ASJ e o convite para participação de almoço no DTG Morro da Tapera. No ato, a anfitriã confirmou presença e já angariou mais parceiros para o evento. Em 2012, a servidora aposentada foi uma das presenças que, a caráter, passaram pelo DTG Morro da Tapera no Parque Harmonia.
 

 

 

Pilchados a rigor, os diretores da ASJ participaram na manhã desta quarta-feira (28) do almoço mensal do Grupo de Aposentados do Forum e do Tribunal de Justiça, na Churrascaria Galpão Crioulo, no Parque da Harmonia na Capital. Capitaneados pelo presidente da ASJ, Paulo Olympio, os representantes dos servidores fizeram convite aos colegas aposentados para participarem dos festejos farroupilhas junto ao DTG Morro da Tapera. O acampamento, que já está em fase de montagem, inicia-se no dia 3 de setembro. No piquete, localizado no lote 105, o servidor encontrará a hospitalidade que caracteriza o povo gaúcho, reverá colegas e poderá tomar um bom chimarrão. Neste ano, o piquete Morro da Tapera leva ao Harmonia o projeto Audições ASJ, que propõe aos visitantes uma reflexão sonora das lendas gaúchas. Inicialmente, ficou acertado um encontro com os aposentados no dia 11 de setembro às 11h.

 Durante o almoço de confraternização de hoje, Olympio destacou para os colegas os avanços obtidos pela categoria nos últimos dois anos junto à tramitação da PEC 555 em Brasília. "O problema é que todo mundo quer, mas o governo não quer.", pontuou Olympio. Na ocasião, o dirigente destacou o trabalho realizado pelo Instituto Mosap desde a Constituinte de 1987 e que, hoje, congrega 700 entidades, sendo 50 atuantes no dia a dia dos pleitos do funcionalismo. O presidente da ASJ ainda explicou aos presentes o porquê da demora na tramitação do projeto de reajuste na Assembleia Legislativa. "Em breve deve abrir a negociação para votação em pacote dos reajustes dos servidores", pontuou, lembrando que o índice obtido pelos servidores do Judiciário serviu de balizador para as demais categorias.  Danila Berlitz agradeceu a participação da ASJ e o convite para participação de almoço no DTG Morro da Tapera. No ato, a anfitriã confirmou presença e já angariou mais parceiros para o evento. Em 2012, a servidora aposentada foi uma das presenças que, a caráter, passaram pelo DTG Morro da Tapera no Parque Harmonia.