União Gaúcha repudia o parcelamento de salários e pensões

 

Por sugestão do presidente da Associação dos Servidores da Justiça do RS (ASJ), Paulo Olympio, a União Gaúcha em Defesa da Previdência Social e Pública decidiu tornar público seu descontentamento com relação ao atraso de pagamento dos servidores do Estado e ao iminente parcelamento dos proventos de aposentados e pensionistas.

 

Na manhã desta segunda-feira (09/03), a União Gaúcha deliberou por emitir nota oficial de desagravo. Caso o parcelamento ou a não efetuação do pagamento dos vencimentos se confirme, a União Gaúcha e as entidades filiadas admitem adotar postura mais crítica, não descartando medidas legais necessárias para garantir os direitos dos servidores.

 

Texto e fotos: Júlia Soares