Reunião da UG tem atenção voltada ao Pacote

O último encontro de trabalho em 2016 do colegiado da União Gaúcha em Defesa da Previdência Social e Publica (UG) esteve com as atenções voltadas à Assembleia Legislativa. Nesta segunda-feira (19), enquanto os conselheiros deliberavam sobre as ações que visam barrar algumas das propostas do Pacote de Medidas do governador do Estado, na Casa Civil líderes de bancadas participavam de reunião extraordinária para definir a ordem de votação dos projetos protocolados pelo governador José Ivo Sartori.

Atentos às notícias, os conselheiros debatiam estratégias contra algumas das matérias que podem trazer prejuízos ao funcionalismo público e a sociedade em geral. Análises em relação ao acesso ao plenário durante as sessões de votação perduraram ainda, durante o almoço de confraternização, que visava saudar as atividades exercidas neste ano em conjunto com todos os representantes das 29 entidades que compõe a União Gaúcha, entre elas a ASJ, sendo representada por seu presidente Paulo Olympio.

Diante das dificuldades de acesso à Casa Civil, as entidades seguirão trabalhando durante toda a semana para acompanhar as sessões plenárias de votação do Plano de Medidas, bem como, na atuação contra os projetos que revogam o direito da data de recebimento de salário e 13º, aumento da alíquota de contribuição previdenciária e à medida que visa extinguir a remuneração dos servidores que não estão desempenhando as funções para as quais foram nomeados por estarem cedidos a entidades de classe.

Texto e foto: Valéria Possamai