Otomar Vivian é aprovado na Comissão da AL

A Comissão de Segurança e Serviços Públicos da Assembleia Legislativa aprovou, por unanimidade, na tarde desta quinta-feira (09/03), em reunião extraordinária, a indicação de Otomar Vivian para o cargo de diretor-presidente do Instituto de Previdência do Estado do Rio Grande do Sul (IPERGS). O parecer favorável à indicação de Vivian para a presidência do IPERGS, elaborado pelo deputado Gerson Borba (PP), ainda será submetido à apreciação do Plenário. O ex-parlamentar, que já comandou o IPERGS em outras duas ocasiões, foi indicado pelo governador José Ivo Sartori.

Vivian garante que, assumindo a presidência da instituição, irá trabalhar para o fortalecimento dos fundos do IPE Previdência Civil e IPE Previdência Militar, e para a estruturação da previdência complementar. Para ele, o déficit previdenciário do Rio Grande do Sul é um fator limitante para o poder público, que poderia estar investindo em áreas essenciais como a saúde, educação, saneamento básico. “Os governos do estado desde 2003 passaram a ver a previdência como uma questão estrutural de estado. Primeiro, precisamos trabalhar o IPE como gestor único da previdência do Estado.”

Presente na sabatina, o presidente do Conselho Deliberativo do IPE e vice-presidente da Associação dos Servidores do Judiciário (ASJ), Luís Fernando Alves da Silva, espera que Vivian tenha êxito na trajetória e que ele consiga resolver as várias demandas com serenidade e com o olhar voltado para o fortalecimento do IPE. “Precisamos pensar primeiro nos segurados, que são a real razão para a existência da instituição”.

Participaram da reunião os deputados Maurício Dziedricki (PTB), Marcel van Hatten (PP), Juliana Brizola (PDT), Zé Nunes (PT), Juliano Roso (PCdoB), Tiago Simon (PMDB) e Frederico Antunes (PP).